Presidente russo Putin perdoa Naama Issacar

O presidente russo Vladimir Putin perdoou Naama Issachar, israelense-americano, preso na Rússia por acusações de drogas, informou o Kremlin na quarta-feira.
O Kremlin disse que um decreto presidencial que perdoa Issacar por “princípios humanitários” entra em vigor imediatamente.
“Estou esperando esse momento há quase um ano”, disse Yaffa, mãe de Naama. “Fizemos parte de uma longa jornada que eu não desejo a ninguém, tudo o que quero fazer agora é abraçar Naama.”
A embaixada de Israel em Moscou levará Issachar ao aeroporto na quinta-feira, onde ela deverá embarcar no avião do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, que está em uma visita oficial ao país para se reunir com Putin para discutir o plano de paz dos EUA no Oriente Médio, e voar com ele e sua mãe para casa em Israel.
“Quero agradecer ao primeiro-ministro Netanyahu do fundo do meu coração por seus esforços com o governo russo e o presidente russo Putin por sua demonstração de compaixão e por deixar minha filha voltar para casa”, disse Yaffa.
“Gostaria de agradecer ao meu amigo presidente russo Putin por perdoar Naama Issachar”, disse Netanyahu. “Aguardo com expectativa nosso encontro na quinta-feira, onde discutiremos o acordo de paz nos EUA e os últimos desenvolvimentos na região”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: