Lula, admirou Hitler e depositou flores no túmulo de Arafat

Semana que vem vai acontecer uma manifestação junto com o ex-presidente do Brasil, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro, no bairro do Bom Retiro em São Paulo. O bairro é reconhecido como sendo o segundo bairro com mais judeus em São Paulo, do qual há muitos anos já foi o primeiro. Recebi ontem de muitos amigos da comunidade o convite.

Eu não consigo entender mesmo como que judeus estão apoiando isso, é claro que devemos deixar claro que são judeus liberais e não-religiosos que estão apoiando e manifestando seu apoio ao ex-presidente Lula. Acho tamanha inépcia e suícidas apoiar uma pessoa dessa. Muitos judeus mesmo morando em São Paulo, com certeza, tem famíliares morando em Israel, a qual o presidente Lula demonstrou muito desprezo.

Lula admirou Hitler em uma entrevista a revista Playboy, a revista masculina que contém fotos de mulheres nuas em situações machistas e deploráveis, mas mesmo assim existem femininas que adora o “pai” Lula. Confira a entrevista:

Lula – Por exemplo… O Hitler, mesmo errado, tinha aquilo que eu admiro num homem, o fogo de se propor a fazer alguma coisa e tentar fazer.

Capa e edição da revista que entrevistou o ex-presidente.

E mesmo depois dessa admiração horrível que Lula disse, a ala esquerdista ainda diz que quem é neo-nazista é o Bolsonaro. Vamos conferir mais atos anti-semitas do ex-presidente.

Em março de 2010 Lula em uma visita oficial como presidente do Brasil, foi convidado pelo primeiro-ministro de Israel visitar o túmulo de Theodor Herzl , Theodor Herzl, fundador do Movimento Sionista e considerado pelos israelenses o idealizador do moderno estado judeu, o ex-presidente recusou e foi visto como uma grosseria inaceitável.

No outro dia, Lula já estava na Palestina colocando flores no túmulo de Yasser Arafat, um homem considerado terrorista pelo povo israelense, ele é culpado de mais de 5 mil mortes ordenando ataques suícidas, homens-bombas, e tiroteio em escolas, pizzarias, shoppings, e em todas as ruas de Israel.

E ainda existem pessoas que vão nesse encontro, uma coisa é certa, precisamos levantar nossas vozes contra essa nova manifestação da esquerda junto com o ex-presidente condenado Lula contra o anti-semitismo. Admirar Hitler não basta? Homenagear um terrorista palestino não basta?

Não estou dizendo para você ser a favor do presidente Bolsonaro, eu acredito na democracia e que todos tenham direitos de pensar por si só e decidir quem é um bom presidente, porém não sejam hipócritas se você apoia o bolsonaro por motivos de “anti-semitismo”, não apoie um cara que fez coisas muito piores que o Bolsonaro para o povo brasileiro e ao povo judeu!

Você pode me seguir nas minhas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: