Ex-primeiro-ministro do Catar: Israel e Estados do Golfo devem assinar pacto de não agressão

Israel e os estados do Golfo e Israel logo assinarão um pacto de não agressão que também pode incluir o Marrocos, diz o ex-primeiro ministro do Catar.
Em uma declaração em árabe no Twitter, o xeque Hamad Bin Jassim disse: “Em 14 de dezembro do ano passado, publiquei um tweet no qual falei sobre o acordo do século [o novo plano de paz dos EUA] e disse que anunciaria o começo. deste ano.
“Agora será seguido por um acordo de não agressão entre Israel e os países do Conselho de Cooperação do Golfo, além do Egito, Jordânia e possivelmente Marrocos”.

O ex-político observou que “não era contra” esse acordo com Israel e acreditava que a decisão unânime da Liga Árabe na semana passada de rejeitar o acordo dos EUA não era do melhor interesse da região.
“Embora existam países árabes que prometeram ao lado americano que tomariam uma posição positiva no acordo, eles não o fizeram, e justificaram isso dizendo que não podiam por causa da mídia”, disse Jassim.
Ele acrescentou que “o lado árabe segue uma política baseada em táticas de curto prazo, enquanto o lado israelense coloca suas políticas em fundamentos estratégicos de longo prazo”.
O plano de Trump, anunciado na Casa Branca em 28 de janeiro com um sorridente primeiro-ministro Benjamin Netanyahu, ladeando o presidente, fica do lado de Israel em praticamente todas as questões mais controversas do conflito de décadas.

Você pode gostar...

%d blogueiros gostam disto: