Com 40 líderes mundiais visitando, Israel alerta o Hamas

Israel enviou um alerta severo ao grupo terrorista do Hamas de que responderá vigorosamente a qualquer tentativa de perturbar o evento de recordação do Holocausto de quinta-feira em Jerusalém, com a participação de dezenas de líderes mundiais.
Siga a Ynetnews no Facebook e Twitter
Segundo a televisão do Canal 13, a IDF diz que, se necessário, atacará o Hamas em Gaza em resposta a qualquer ataque, apesar da atenção internacional.
Segundo o relatório, as autoridades israelenses acreditam que o Hamas está por trás da recente rodada de balões incendiários enviados de Gaza a Israel nos últimos dias.

Autoridades acreditam que o Hamas poderia tentar atrapalhar o Quinto Fórum Mundial do Holocausto, lançando mais balões em Israel ou até disparando foguetes, segundo o relatório.

Com 40 líderes mundiais planejando participar, a sombria comemoração de quinta-feira no Memorial do Holocausto Yad Vashem será um dos eventos mais importantes já organizados por Israel.

Milhares de policiais e outros agentes de segurança serão enviados a partir de terça-feira, antes da chegada de dignitários, incluindo o presidente alemão Frank-Walter Steinmeier, o príncipe Charles da Grã-Bretanha, o presidente francês Emmanuel Macron, o presidente russo Vladimir Putin e o vice-presidente dos EUA, Mike Pence.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: